domingo, 3 de janeiro de 2016

Por que continuamos assistindo e gostando de 500 Dias com Ela?



Porque queremos que as coisas deem certo. Sempre.
É muito difícil para o ser humano aceitar que nem toda história tem um final feliz. Ainda mais se tratando de amor, de romance, namoros e términos.


Todos nós somos o Tom, fantasiamos cada momento e torcemos para que dê certo. Romantizamos tudo e ignoramos as partes que estão desmoronando. E aí quando acaba nos fingimos chocados, "eu nunca ia imaginar isso", como se os sinais não estivessem ali o tempo todo.

O que eu me pergunto é: será que Tom realmente amou a Summer? Ou só a ideia de tê-la por perto e criar essa "história de amor", que na verdade só existiu na cabeça dele? A gente sabe como é a empolgação inicial, tudo é novo e a gente realmente quer que dê certo. Mas nem sempre dá. Ele querer não foi suficiente porque um namoro precisa de duas pessoas pra funcionar. E nós nos identificamos com ele, com seu otimismo e seu romantismo.

Mas a gente não odeia a Summer. Porque a Summer sempre soube que eles não eram pra ser. Mas ela se divertiu pra caramba porque aproveitou cada momento bom. Nem sempre é amor, mas sempre pode ser muito legal. Visitar uma loja de móveis pode ser super divertido se você estiver com alguém que saiba que cada segundo conta.


Ou talvez ele tenha amado mesmo e amor seja uma coisa que acaba e começa de novo. Ou muda. Sei lá. Eu realmente acredito que ele fez muito bem a Summer e ela a ele porque os dois aprenderam mais uma lição sobre romance.

Ou... ele não aprendeu nada porque continuava buscando encontrar em outra pessoa a plenitude que só se pode ter quando se está em paz com o que a gente tem dentro de nós. Não existe, pelo menos para mim, essa história de alma gêmea, parem de acreditar nisso. O que existe são pessoas que vão fazer parte da sua vida e ser importantes, mas elas não te completam, por favor... Isso não é amor, isso é outra coisa.


Talvez Tom nunca tenha amado de verdade. O que ele buscava na Summer era preencher um vazio que ele tinha nele mesmo. E isso é triste. "Eu amo o jeito como ela me faz sentir... como se tudo fosse possível... como se a vida valesse a pena". A primeira pessoa a te fazer sentir assim devia ser você mesmo e se não é, você tem um problema a resolver. Não pode ficar esperando que outra pessoa resolva por você. Por isso a gente queria tanto que Tom e Summer ficassem juntos e nos chateamos porque eles não ficaram.

Porque nos somos românticos como o Tom, mas nós deveríamos ser mais resolvidos como a Summer.

Um comentário:

  1. "Porque nos somos românticos como o Tom, mas nós deveríamos ser mais resolvidos como a Summer." <3

    ResponderExcluir

Fale o que achou